Conecte-se

Inscreva-se

ufc236-preview

Internacional

UFC 236 – Preview

O UFC 236 traz duas disputas de cinturão interino e duas lutas que os fãs de luta esperam há bastante tempo.

Voltar1 de 3
Use as ← → (setas) para ler tudo

Peso leve: Max Holloway vs Dustin Poirier 2 – Diego Limongi

A revanche acontece nesse sábado pelo UFC 236 valendo o cinturão interino peso leve. Khabib Nurmagomedov atual campeão se encontra suspenso pela comissão atlética de Nevada depois do incidente ocorrido no UFC 229.

A primeira luta entre Poirier e Holloway aconteceu em 2012 nos penas, quando o americano finalizou com um armlock levando Holloway a primeira derrota na carreira. No entanto, hoje Holloway é o rei dos pesos pena e agora quer fazer história no peso leve e assim colocar de vez seu nome na história. Poirier também flertou com o cinturão peso pena até ser nocauteado por Conor McGregor, desde então possui 9 lutas nos leves com 8 vitórias e venceu nomes como Anthony Pettis, Eddie Alvarez e Justin Gaethje.

Com certeza veremos a melhor versão de Max Holloway. O Havaiano tem mostrado bastante desgaste no corte de peso; então, seus pontos fortes: rapidez, absorção, volume e gás terão um “plus”. Já vimos Holloway bastante debilitado por corte de peso, então será interessante ver como ele se comporta. Poirier, por outro lado está bem mais acostumado a lutar no peso leve.

A maior chance de Poirier está no seu excelente grappling, pois vale lembrar que Poirier é faixa preta de Jiu Jitsu, mas, tanto Holloway melhorou significativamente sua defesa de quedas como vimos na sua luta com Brian Ortega, como Dustin Poirier tomou gosto por batalhas de trocacao insana. Foi assim com Alvarez, Pettis, Gaethje… acontece que é nesse tipo de luta que o Havaiano se sente mais à vontade, pois mostrou em suas guerras com José Aldo que tem um queixo substancialmente melhor que o de Poirier. Tendo em vista que a luta será uma guerra, minha aposta é em Holloway por nocaute à partir do 4º round.

Aposta: Max Holloway por TKO no 4º round

 

Peso médio: Kelvin Gastelum vs Israel Adesanya Gustavo Silva

O UFC 236 tem em seu co-main event um dos confrontos mais aguardados do ano e que pode trazer o segundo cinturão africano na história da companhia, trata-se de Israel Adesanya x Kelvin Gastelum que se enfrentam pelo título interino dos médios.

Enquanto o californiano Gastelum é notoriamente um peso meio médio (77kg) que não gosta de fazer dieta e por isso está de intruso na categoria dos médios (84kg), Adesanya é o oposto, nitidamente um meio pesado e grande que consegue cortar bem o peso para atuar entre os médios. Não é preciso dizer que é um dos senão o confronto com a maior disparidade física da categoria já que o africano tem 1.93 m de altura e 2.03 de envergadura contra os 1.75 de altura e 1.82 de envergadura do americano, uma diferença abissal em termos físicos, no entanto aquela expressão que diz “tamanho não é documento” se aplica perfeitamente ao “gordinho” que desde que subiu de categoria aplicou knockdown em todos os seus adversários e perdeu apenas um combate que foi para o ex campeão Chris Weidman que foi salvo pelo gongo.

Adesanya é o chamado talento nato, aquele que já nasceu sabendo, indiscutivelmente tem um dom, não é à toa que volta e meia é comparado com Jon Jones ou Anderson silva e às vezes até chamado de uma espécie de fusão dos dois. O africano tem um cartel 16 – 0 no MMA sendo 13 vitórias por nocaute e já venceu nomes importantes como Derek Brunson e Anderson Silva. No UFC ele tem um cartel de 5-0 e conquistou em seu último combate o direito de disputar o cinturão.

Gastelum ao contrário de seu adversário nunca foi conhecido por ter grande talento, muito pelo contrário, chegou até mesmo ser o último escolhido na edição do TUF em que fez parte e acabou ficando no time de Sonnen que dizia não entender em que esse cara era bom, mais tarde o “Gangster americano” decifrou a charada e respondeu a si próprio com a seguinte frase: “já sei em que esse cara é bom, ele é bom em vencer”.

Gastelum tem Background no wrestling, mas com o tempo se apaixonou pela trocação e polido pelo Rafael Cordeiro é hoje uma das mãos mais perigosas da categoria que tem Yoel Romero e Paulo Borrachinha, por aí dá para notar o poder que ele carrega nas mãos. Adesanya tem background em kickboxing e Boxe, é um dos melhores trocadores da companhia e detém um dos maiores arsenais de golpes em pé que a organização já viu, é o tipo de lutador que dá golpes de todos os ângulos e de todas as maneiras, tem um poder de improviso espetacular.

Para Gastelum o melhor a se fazer é encurtar e tentar pressionar, encurralar seu adversário o tempo todo colocando mãos pesadas em seu corpo para minar o gás no primeiro assalto e a partir do segundo tentar trabalhar o jogo de quedas cansando ainda mais seu oponente para do terceiro em diante passar a trabalhar em busca do nocaute.

Para Adesanya o caminho é manter a distância com jabs e chutes frontais e jamais deixar ser encurralado pelo gordinho, buscar uma luta franca não seria uma boa ideia já que deverá estar lidando com o queixo mais duro da categoria, a melhor estratégia é buscar uma vitória mais segura por pontos e caso abra alguma brecha tentar nocautear.

Meu favorito para este combate é Israel Adesanya por ser mais versátil, ser um dos atletas mais geniais do mundo, tranquilidade e um QI de luta absurdo, mas todo cuidado é pouco contra Kelvin Gastelum. Adesanya não pode nem sequer piscar os olhos durante os 25 minutos de luta. Vejo favoritismo em 65 – 35% a favor do africano.

Aposta: Israel Adesanya por decisão unânime

Voltar1 de 3
Use as ← → (setas) para ler tudo

Fique por dentro!

Sabia de todas as novidades e promoções

Escrito Por

Repórter e Colunista da seção "O Veredito" pela MMA Inside."Aquele que hesita está perdido."

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conectar
Fique por dentro!

Sabia de todas as novidades e promoções

error: We love you